19 de jul de 2016

Coisas que eu não me arrependo.

Depois dos 12 anos a gente tem mil caminhos a seguir, tudo é lindo e ao mesmo tempo um caos. A gente é cercado de amigos falsos, nosso corpo transborda rebeldia e o cheiro dos hormônios se exalam pelo ar, é o começo de uma fase cheia de confusões na nossa mente. Uma garota saindo da infância para a adolescência. E que fase! 
Aos 15 anos me via diferente, um pouco mais crescida e madura, mas sempre fui de pensar nas coisas que eu queria, sempre quis tudo na mesma hora, e hoje vejo que não é bem assim. Com 15 anos você já sofreu com aquele cara babaca que te fazia chorar e correr atrás dele, já conheceu 2 amigos que você pode contar e 10 falsos. Aos 15, você faz planos para o futuro, mas não sabe qual faculdade quer fazer, quer sair com suas amigas mas seus pais não deixam porque acham que têm garoto envolvido nesse tal "passeio". O que mais preocupava nesse idade é que a maioria das meninas da escola já não eram mais virgens, e eu fazia parte das poucas que eram ainda e por isso ficava constragida na hora que alguém perguntava se eu já tinha transado, realmente tinha vergonha de dizer que era. Hoje vejo que isso é bobagem!.

Com 18 anos tudo muda, seja pra melhor ou pior, a tendência é sempre piorar, mas no fundo a gente sabe que acontece coisas boas depois dessa idade. O tempo passa num piscar de olhos, e a menina que tinha 15 não é a mesma de agora. Hoje em dia eu sei com quem realmente posso contar, meus pais são prova disso. Tenho colegas que preferem enxer a cara na sexta a noite só pra esquecer dos problemas.
Juro que não me arrependo de nada que eu não fiz e deixei de fazer, nesse tempo que passou. Já tive oportunidade de experimentar drogas, mas nunca quis que ninguém me influênciasse e nunca deixei me levar por situações curiosas ao ponto de colocar minha vida em risco, tive a oportunidade de quebrar minha cara e "dar" para aquele carinha babaca que no fim das contas só queria transar comigo e me largasse no dia seguinte me deixando iludida por ele. Sim, já pensei em me matar e hoje vejo que não há nada melhor que a vida, sou apaixonada pelas coisas que ela nos proporciona. Sabe aquela amiga falsa ? Hoje eu vejo que a vida dela esta numa pior, ás vezes prova do próprio veneno, e a maioria das meninas que perderam a virgindade cedo, algumas são mães e vivem 24 horas pelos seus filhos e quase não tem tempo para elas. Hoje vejo transparentemente que somos feitos de escolhas e são elas que fazem a nossa vida, e a nossa vida automaticamente fazem as nossas escolhas, é um mero círculo vicioso. Minha maturidade é a prova que eu já tive oportunidades, mas sabe de uma coisa, hoje eu não me arrependo de nada!








Nenhum comentário:

Postar um comentário