14 de jan de 2016

Falando sobre virgindade

Bem vindos a mais um post da categoria papo tenso. Hoje vim falar de um post bastante polêmico e consequentemente que ainda é tabu nos dias de hoje e que deixam pais de cabelos em pé e adolescentes com várias dúvidas e incertezas...



Chega em uma determinada fase da nossa vida que começam a rolar na rodinha entre amigos muitos papos sobre sexo: amigas que já transaram, o que rolou, se doeu, enfim...Acontece que cada pessoa tem um momento certo, e a pergunta que sempre fica na cabeça é "quando saber o momento certo?". 
Na verdade não existe um momento certo, uma garota pode perder com 14, 15, 18 ou até com 20 anos, tudo depende do momento dela e se ela estiver realmente preparada, pois imagine só transar com um cara, gostar na hora e se arrepender depois .-. É tudo questão de tempo, e enquanto a insegurança é normal, e o tal "medo" de doer também.
Falando em dor, há garotas que não sentiram nada, e outras que sentiram muito. Não sabemos a reação no ato, então preveja que a sua pode doer  sim, ás vezes você pode estar relaxada ao máximo mas também pode doer, aliás é uma fina pelinha se rompendo, convenhamos, pois particularmente a minha doeu e muito até a terceira vez, mas tem a questão de variar de organismo pra organismo, sensação pra sensação.

Falando um pouco sobre prevenção que aliás é o conceito mais importante que eu acho, e que está faltando pra muitas garotas e garotos. A questão de se prevenir não é ser certinho, coisa brega como muitos que conheço já falaram. A questão é cuidar da saúde e prevenir certas coisas, como gravidez e doenças, sei que muitos já estão cansados de ler e ouvir isso. Mas ir a uma consulta com a ginecologista pode ajudar a prevenir muitas coisas e tirar dúvidas, pois foi assim que eu descobri que sofro dos cistos policisticos que até já comentei aqui no blog. 

Virgindade também é questão de zoação, acredite não se envergonhe de ainda ser virgem e foque apenas no seu tempo e não que fulana já foi com o ficante. Se possível converse abertamente com seus pais, falar sobre sexo é infelizmente tabu, mas eles também pode tirar suas dúvidas e te aconselhar, meus pais sempre foram totalmente abertos em questão de sexo, e hoje falo disso com a minha mãe como se eu tivesse falando com as minhas amigas. E por favor, não transe com qualquer babaca, isso é sempre frustrante pra uma garota e nunca transe por pressão de amigos ou namorado que levando em consideração ele deve respeitar o seu tempo. 
Sexo é algo normal da vida e as sensações que ele causa são imensas, tenha o seu tempo e aproveite !



Nenhum comentário:

Postar um comentário